Carregando...

>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
  • Página Inicial
  • Cursos
    • Metrologia
      • MAIS...
    • Desenho Técnico
      • MAIS...
    • Eletrohidropneumática
      • MAIS...
    • Elementos de Máquinas
      • MAIS...
    • Manutenção Mecânica
      • MAIS...
    • Usinagem
      • MAIS...
    • Cursos com Certificado
  • Vídeos
    • Telecurso
    • Documentários
      • Como Tudo Funciona
        • MAIS...
      • O segredo da coisas
        • MAIS...
      • Discovery Channel
        • MAIS...
      • Engenharia Extrema
        • MAIS...
      • Feras da Engenharia
        • MAIS...
      • Gigantes da Engenharia
        • MAIS...
      • Inventos da Antiguidade
        • MAIS...
      • Maravilhas Modernas
        • MAIS...
      • Super Projetos
        • MAIS...
      • Outros Documentários
        • MAIS...
    • Tecnologias
    • ... outros mecânicos
      • Tecmecânico
      • Marcelo Tonella
        • MAIS...
      • Dr Carro
        • MAIS...
    • Engraçados
  • Revistas
  • Material de Consulta
  • Exercícios
  • Downloads
  • Sites Recomendados
  • Contato
  • Política de Privacidade

TECMECÂNICO

>>>>>>>>

Total de visualizações de página

Parafusos, porcas, arruelas e cálculo de roscas

Os parafusos, as porcas e arruelas estão presentes em quase todos os tipos de máquinas e equipamentos. São a principal forma de fixação utilizada, uma vez que uma simples chave de fenda ou de boca pode separar os componentes e desfazer a união.




Os parafusos têm formato cilíndrico e saliências que se desenvolvem externamente ao longo de seu corpo em formato de hélice, à estas saliências damos o nome de filetes. Existem parafusos que não têm cabeça, mas não existe parafuso que não tem rosca.




As porcas também possuem filetes, entretanto estas saliência são internas. Existem vários tipos de porcas, umas servem para proporcionar fixação e outras para transmitir movimentos. As porcas podem ser apertadas e desapertadas através de ferramentas, como uma chave de boca, por exemplo, ou manualmente, como no caso das porcas recartilhadas e porcas borboleta.




As arruelas servem tanto para garantir que porcas e parafusos não se soltem, como para evitar que a peça que está sendo unida não se estrague durante o aperto e desaperto do parafuso/porca. Para que cumpra a sua função, a arruela deve ser colocada do lado onde está a porca. O correto durante o aperto ou desaperto de um conjunto parafuso-porca-arruela é segurar o parafuso com uma chave de boca e girar a porca, ao contrário do que muita gente faz.




De acordo com o sentido que se deseja apertar os parafusos, a rosca pode ser direita (sentido mais usado, para apertar devemos girar o parafuso no sentido horário) ou esquerda (para apertar o parafuso devemos girar o parafuso no sentido anti-horário).



Os filetes dos parafusos e das porcas podem ter formatos diferentes de acordo com a sua aplicação, observe o quadro abaixo:


O tipo de filete mais utilizado é o triangular. A rosca triangular é fabricada com base em alguns sistemas padronizados. Os sistemas mais utilizados são:

Para executar um furo que receberá rosca, é preciso realizar o cálculo do diâmetro adequado da broca. Se a broca tiver diâmetro maior do que o necessário, o macho pode passar livre pelo furo e não retirar o material para a confecção dos filetes, entretanto, se o diâmetro da broca for pequeno demais existe o risco de o macho travar e quebrar dentro do furo. A fórmula indicada para este cálculo é a seguinte:

Onde:







Ex) Calcule o diâmetro da broca para realizar um furo que receberá uma rosca M5x1mm.








Ex) Calcule o diâmetro da broca para realizar um furo que receberá uma rosca W3/4” x 16 fios.










Se você quiser estudar mais sobre este assunto, dê uma olhada em nossos vídeos, simuladores, apostilas ou nossos cursos online.



Quer mais informações sobre este assunto? Pesquise aqui:

Pesquisa personalizada

2 comentários:

  1. como faço para calcular o diametro menor da rosca BSW 5/8 x 11 fios?

    ResponderExcluir
  2. O conteúdo é muito bom, gostei

    ResponderExcluir

Contribua conosco, deixe sua opinião, crítica ou sugestão: